Sejam Bem Vindos! よろしくお願いします!

Olá pessoal, sejam bem vindos à esta página. Criei este blog para poder compartilhar com vocês algumas informações sobre a língua japonesa, além das minhas impressões acerca desse idioma, suas particularidades, as dificuldades enfrentadas pelos falantes de português do Brasil ao estudar o idioma japonês, e claro, alguns pontos comparativos com o português que considero muito interesssantes.

Sejam Bem Vindos!     よろしくお願いします!       リマ・マレイ marley de lima

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Para treinar hiragana e katakana - (com som)

Olá pessoal, encontrei um link que achei muito interessante para quem está começando a aprender hiragana e katakana.


http://www.coscom.co.jp/hiragana-katakana/kanatable-j.html



Bom estudo,  
                 マレイ

sábado, 1 de junho de 2013

Pensar em português ao falar japonês: KONNICHIWA e SAYÔNARA

Hoje estava pensando sobre algumas palavras e expressões na língua japonesa, que nós brasileiros, no hábito de pensar em português para falar em japonês, acabamos nos confundindo. Lembrei da expressão KONNICHIWA, traduzida por muitos materiais de estudo da língua japonesa como BOA TARDE. Na prática já vi muitos japoneses se cumprimentarem com essa expressão por volta das 10 ou 11 da manhã, e alguns alunos que estavam por perto vir nos questionar. Para eles, KONNICHIWA só poderia ser usado após o almoço ou após o meio dia, pois entendiam como boa tarde. Estive consultando o Dicionário Universal Japonês-Português , da Shogakukan, e ele traz na página 651 a seguinte tradução: "konnichi wa 今日は Bom dia [Boa tarde]! (Us. de dia)".

Outra expressão que me chama a atenção pelo mesmo motivo é SAYÔNARA. Muitos materiais traduzem como TCHAU, expressão que no Brasil é comumente usada ao se despedir de alguém em diversas situações (seja de alguém que se vê todos os dias, ou de alguém que você verá novamente em poucas horas, ou mesmo ao se despedir de alguém que está indo para bem longe, onde ficará por um bom tempo). Pensando na situação de despedidas cotidianas, dos colegas de escola ou de trabalho, vemos nossos aprendizes de japonês dizerem SAYÔNARA ao se despedir dos colegas, quando normalmente vemos os japoneses usarem JA, MATA NE (até mais) , ou simplesmente MATA NE (até), ou MATA ASHITA (até amanhã). Uma  vez uma professora japonesa me disse que o termo SAYÔNARA era algo com um significado muito forte, e por isso não deveria ser utilizado em despedidas cotidianas. Isso já faz algum tempo, talvez uns 10 anos. No mesmo dicionário citado anteriormente, este termo traz vários exemplos e todos acompanhados da palavra ADEUS, o que confirma a observação feita a mim pela professora japonesa.
Vale a pena ressaltar a importância e a força do uso da língua pelas pessoas, as quais fazem parte de grupos sociais. E as práticas entre esses grupos, que são possuidores do domínio de transformação dessa língua, são determinantes para as mudanças que ocorrem na língua. A língua é uma coisa viva, e que sofre mudanças constantemente, e à medida em que é usada e as mudanças vão sendo cristalizadas, o uso de uma ou outra expressão, ou mesmo de uma ou outra palavra também poderá sofrer alteração em seu significado. E o que outrora era considerado errado pode passar a ser o correto. 

abçs
   リマ・マルレイ